Meu filho saiu das fraldas, os problemas acabaram?

Meu filho saiu das fraldas, os problemas acabaram?

Por: - Cirurgia Pediátrica - /SC 17015 | RQE 11522
Publicado em 10/09/2018 - Atualizado 07/02/2019

Saber o momento certo de tirar as fraldas das crianças pode ser um verdadeiro desafio para os papais e mamães de primeira viagem. Depois do desfralde, o desafio de aprendizado das crianças só está começando. Continue lendo para descobrir os principais desafios para os responsáveis nessa nova jornada.

Geralmente, o período de desfralde ocorre por volta dos 2 anos, mas não existe uma regra para isso. Algumas crianças podem levar menos ou mais tempo para abandonar as fraldas e é preciso respeitar e entender as necessidades de cada um.

O desfralde das meninas costuma ser mais rápido, já que elas apresentam um amadurecimento psicológico mais precoce que os meninos. Em relação ao desfralde diurno e desfralde noturno, o primeiro tende a levar menos tempo, pois quando a criança está acordada, tem maior consciência sobre seu corpo e entende mais rapidamente a necessidade de ir ao banheiro para fazer xixi ou cocô.

Independente do sexo ou idade, tirar as fraldas da criança pode ser um alívio para os pais, mas engana-se quem pensa que “os problemas acabaram”.

Quais cuidados preciso ter depois que meu filho saiu das fraldas?

Depois que a criança sair das fraldas, os problemas com urina e fezes expelidas involuntariamente vão cair drasticamente e, rapidamente, desaparecer por completo. Mas é importante que os cuidados na hora de fazer xixi e cocô continuem nos primeiros meses ou anos depois que a criança abandonou as fraldas.

Ensine a criança a se limpar

No período que usava fralda, toda a higiene do bebê era feita pelos pais e, por isso, o pequeno ainda não conhecia a importância dos cuidados higiênicos depois de fazer xixi ou cocô. É fundamental que os pais expliquem a importância da auto-higiene nesses momentos, já que é um hábito essencial para evitar doenças no trato urinário.

No caso dos meninos, é preciso orientá-los a sempre guardar o pênis seco e eliminar o máximo de gotículas que ficam em volta da glande após o ato de urinar. Para as meninas, deve-se ensiná-las a sempre se limpar com papel higiênico após terminar de fazer xixi, com movimentos partindo da frente para trás.

A limpeza após o cocô deve ser feita pelos pais até que a criança consiga se limpar sozinha. Nesses momentos, é importante que os pais ensinem a criança a maneira correta de realizar a limpeza, sempre dialogando e mostrando o processo com calma, sem colocar pressão.

Explique a importância de lavar as mãos

Como o banheiro é um ambiente propício para a proliferação de bactérias e fungos, qualquer pessoa que faz uso do local precisa higienizar as mãos para evitar qualquer tipo de contaminação.

Como as crianças possuem o sistema imunológico ainda em desenvolvimento, esse cuidado é ainda mais importante. Explique para a criança que, sempre que fizer xixi ou cocô, ela precisa lavar as mãos, com sabão.

Ensine, também, que a criança deve ter o menor contato possível com o vaso sanitário, evitando encostar o pênis na borda, no caso dos meninos, e evitando “afundar” demais, no caso das meninas. Importante também haver apoio para os pés e redutor de sanitário.

Ensine a criança a controlar o esfíncter

Se a criança já saiu das fraldas, provavelmente ela já tem o controle do esfíncter anal e vesical. Mas, em alguns casos, pode acontecer da criança urinar ou defecar fora do ambiente ideal.

Por isso, é importante que os pais expliquem desde cedo sobre a necessidade de ir ao banheiro realizar as necessidades fisiológicas. É importante, também, deixar claro que a criança não pode simplesmente fazer xixi ou cocô quando sentir vontade.

Ela precisa saber que existe um ambiente apropriado para isso e que precisa controlar sua vontade até conseguir ir ao banheiro, caso não esteja em casa, por exemplo. Mas em todo caso, o ideal é não segurar o xixi ou cocô e instruir a criança a ir ao banheiro assim que sentir vontade.

Como vimos, os cuidados com as crianças não acabam depois que elas saem das fraldas. É preciso educá-las até que elas atinjam a consciência corporal por completo e entendam os cuidados envolvidos ao fazer xixi e cocô. Lembrar sempre que para a criança a prioridade é brincar, o que motiva os pais a sempre lembrarem-nas de ir ao banheiro.

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato. Irei responder o mais breve possível.

Inscreva-se em nossa newsletter

Receba mais informações sobre cuidados para a saúde em seu e-mail.

Material escrito por:
Cirurgia Pediátrica - /SC 17015 | RQE 11522
Publicado em 10/09/2018 - Atualizado 07/02/2019

Realizar cirurgias em crianças não era algo que o Dr. Rafael Miranda Lima imaginava que...  Ver Lattes

12 de outubro – Dia do Cirurgião Pediátrico

12/10/2020

12 de outubro – Dia do Cirurgião Pediátrico

Leia mais

Hérnia umbilical: o que é e como tratar

08/10/2020

Hérnia umbilical: o que é e como tratar

Leia mais

ebook
20/09/2018

Ebook de Dicas

BAIXAR

Agendar Consulta